Voluntários em eventos esportivos

Por inúmeras vezes me questionaram sobre o sistema de voluntariado nos eventos esportivos. Surgem muitas vezes dúvidas associadas à própria essência do voluntariado: a prestação de um serviço livre e não remunerado. 

Realmente com isso fica fácil de nos questionarmos: por que alguém quer se voluntariar? 

Primeiramente é necessário compreendermos que o sucesso operacional de muitas organizações promotoras de eventos está fortemente associado com a presença de voluntários, 

independente do tipo ou porte do evento, tornando o voluntariado um fenômeno reconhecido em todo o mundo. Especificamente no que se refere às organizações esportivas, os voluntários são considerados recursos humanos vitais pois são descritos como um componente indispensável. O voluntário serve com suas capacidades em uma variedade de funções, fornecendo o trabalho necessário que permite que os gestores organizem seus eventos de forma eficiente. 

Sendo então um recurso de tamanha expressão, pesquisadores têm tentado compreender as razões pelas quais os indivíduos, de forma voluntária, dedicam seu tempo e outros recursos para  as organizações e eventos desportivos, e como resultados ele tem encontrado que os principais fatores motivacionais estão relacionados à: 

 
  • Paixão e Interesse pelo esporte; 

  • Contatos de trabalho; 

  • Aquisição de experiências e novas habilidades; 

  • Contatos com especialistas da área (troca de conhecimentos); 

  • Novos relacionamentos; 

  • Interação; 

  • Aquisição de conhecimento sobre novas culturas e línguas; 

  • Se sentir parte da comunidade anfitriã do evento; 

  • Praticar (testar) seus conhecimentos e habilidades outrora adquiridos; 

  • Porta de entrada na organização; 

  • Oportunidades de emprego futuro. 

A gestão de voluntários perpassa pelas estratégias de atrair esses indivíduos para trabalhar nos eventos esportivos, portanto, é necessário que os gestores destes eventos compreendam os fatores motivacionais que atuam no universo do voluntariado, e assim possam criar programas de voluntariado que satisfaçam as necessidades e interesses dos potenciais voluntários. 

E lembre-se: Quando os voluntários compreendem as suas responsabilidades, sabem como executar as suas tarefas e a maneira como estas se encaixam no evento, é provável que haja sentimentos positivos e níveis mais altos de esforço e desempenho, garantindo que as tarefas importantes sejam concluídas com êxito.

Além disso, parte importante de qualquer evento esportivo é a organização e sua gestão. Por isso o Ritmo do Esporte oferece uma solução completa e digital para organizadores que querem qualificar suas competições e assim conquistar a confiança de equipes, atletas e claro, voluntários engajados.

Camila Ritter
Gestora Esportiva


Sugestão de pesquisas sobre o sistema de voluntariado: 

1. Cho, H., Li, C., & Wu, Y. (2019). Understanding sport event volunteers’ continuance intention: An environmental psychology approach. Sport Management Review, 1-11, DOI.org/10.1016/j.smr.2019.08.006. 

2. Kerwin, S., Warner, S., Walker, M., & Stevens, J. (2015). Exploring sense of community among small-scale sport event volunteers. European Sport Management Quarterly, 15(1), 77-92. 

3. Kim, E. (2018). A systematic review of motivation of sport event volunteers. World Leisure Journal, 60(4), 306-329. 

4. Wallrodt, S., & Thieme, L. (2019). The role of sports volunteering as a signal in the job application process. European Sport Management Quarterly, 1-21, DOI: 10.1080/16184742.2019.1598457. 

5. Wicker, P. (2017). Volunteerism and volunteer management in sport. Sport Management Review, 20(4), 325-33.

Contrate agora

R$/ mês

Faça seu cadastro

Solicite um orçamento

Deixe seu recado
Olá, seja bem vindo a Ritmo do Esporte! Como podemos te ajudar?